Quinta-feira, 31 de Dezembro de 2009

Setembro Sangrento

Tags: , ,

Por Mafalda às 20:20
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 30 de Dezembro de 2009

Estreias da Semana - 31/12

   
 
The Private Lives of Pippa Lee: Pippa Lee é uma mulher de 40 anos cuja vida tem sido um exemplo para todos os que a rodeiam, até ao dia em que o seu marido decide que têm de ir viver para os subúrbios. A partir daí, a vida de Pippa muda por completo, o que quase a leva a um esgotamento nervoso.
 
Un Prophéte: Malik é um jovem delinquente que se vê condenado a 6 anos de prisão, 6 anos esses que ditam a transformação de um frágil rapaz num poderoso chefe de uma organização criminosa.
 
Old Dogs: Dan e Charlie são dois velhos amigos que se preparam para a aventura das suas vidas! Dan é um divorciado sem jeito para crianças e Charlie é um sedutor nato e muito divertido. O que eles não esperavam era ter de tomar conta de Zach e Emily, os seus filhos gémeos, durante duas (longas!) semanas...
 
Tags:

Por Mafalda às 16:13
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 28 de Dezembro de 2009

(500) Days of Summer

 

Tom Hansen (Joseph Gordon-Levitt) trabalha numa empresa de postais. É nessa mesma empresa que conhece Summer Finn (Zooey Deschanel) e se apaixona por ela. Numa comédia romântica normal do tipo "boy meets girl", Summer apaixonaria-se por Tom e após uns percalços os dois ficariam juntos no final. Porém este não é um desses filmes. Este filme conta os 500 dias que Tom passa apaixonado por Summer e com a ideia de que apenas existe um grande amor na vida. 


"The following is a work of fiction. Any resemblance to persons living or dead is purely coincidental. Especially you Jenny Beckman. Bitch."

Escrito por Scott Neustadter e Michael H. Weber, e realizado por Marc Webb que vem do mundo da música e tem aqui a sua estreia em longas-metragens, chega-nos um filme que é contado de uma maneira criativa e divertida. A história vai saltando da frente para trás até que ambas as "histórias" se encontram a meio do filme, ficando depois mais linear. A fita em si não tem grandes pormenores técnicos, mas também não é isso que devemos esperar de um filme deste tipo. De salientar uma cena em que Tom acorda de manhã após ter passado a sua primeira noite com Summer, vai para o trabalho e faz um numero musical divertidíssimo. Grande pormenor de Marc Webb

Fiquei agradado com o facto de que para este filme não tenham sido "recrutadas" estrelas já feitas do mundo do cinema. Em vez disso, chamaram ao serviço Joseph Gordon-Levitt, Zooey Deschanel, Chloe Moretz (Rachel Hansen, irmão de Tom), Geoffrey Arend e Matthew Gray Gubler (Paul e McKenzie, amigos de Tom), que abrilhantaram esta história com o seu talento em ascensão.

Como nota final, quero realçar a vergonha que são os cinemas portugueses. Apenas porque este filme obteve receitas um pouco fracas nos Estados Unidos, 500 Days Of Summer, um dos melhores filmes do ano, irá directamente para DVD. 

"Boy meets girl. Boy falls in love. Girl doesn't."

Nota Final: 8.5 / 10
 
 

 


Sábado, 26 de Dezembro de 2009

Role Models (2008)

 

 

Wheeler (Seann William Scott) e Danny (Paul Rudd, que escreveu o guião do filme, a par do realizador David Wain) são dois vendedores de bebidas energéticas. Todos os dias percorrem as escolas do país para fazer publicidade a essas mesmas bebidas, sempre com a mesma rotina e palavreado. Ora, dos dois amigos, Danny é aquele que se sente mais desiludido com o trabalho, e acaba por se tornar num adulto amargo, vendo em tudo um problema e deteriorando a sua relação com Beth (Elizabeth Banks).

 

É então que, após receber um não da namorada ao seu pedido de casamento, Danny fica desorientado, arruinando uma das suas palestras. Para cúmulo, a carrinha da empresa é rebocada, e para o evitar Danny chega mesmo a ter um acidente e a desrespeitar a autoridade policial, do que resulta a seguinte pena: 30 dias na prisão ou 150 horas de trabalho comunitário... numa instituição de crianças “diferentes”.

 

Lá, os dois amigos terão de ajudar Augie (Christopher Mintz-Plasse), um rapaz viciado em jogos RPG, isto é, jogos com pessoas reais, sendo que este se passa na idade média, e ainda Ronnie (Bobb'e J. Thompson) um miúdo pervertido e mal educado.

 

Conseguirão aguentar as 150 horas e ser modelos exemplares?

 

Com alguns diálogos bem conseguidos e referências inteligentes a diversos elementos da cultural popular actual, “Modelos Nada Correctos” é o tipo de filme que dispõe bem, nada pretencioso, e capaz de arrancar uma ou outra gargalhada. Rudd e William Scott conseguem uma boa química, embora os grandes “heróis” do filme sejam mesmo os mais jovens, especialmente Mintz-Plasse, que proporciona alguns dos momentos mais altos do filme.

 

A possibilidade de vermos também retratada a paixão de algumas crianças/adolescentes pelo mundo dos RPG é também uma mais valia sendo que uma das melhors cenas apresenta-se aquando do duelo desse mesmo jogo. No mínimo inovador, e digno de apontamento.

 

Porém, à semelhança de outras fitas inseridas dentro do mesmo género cinematográfico (comédia estilo buddy movie), “Role Models” acaba por se desmazelar em determinados pontos da acção, caindo na piada fácil (normalmente de cariz sexual) remetendo-o ao estatuto de “apenas mais um”. E é por isso que me sinto incapaz de dar uma nota superior à que se segue. Com grande pena minha, porque a película prometia. Ainda assim, take a look at it.

 

I bet if i suggested a game of Quidditch he'd cum in his pants.”

 

Nota Final: 6.5 / 10

 

 

 


Por Mafalda às 23:59
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 25 de Dezembro de 2009

G.I. Joe: The Rise of Cobra (2009)

 


Porquê? Porquê esta adaptação completamente oca dos bonecos da Hasbro?

 

Enfim... Como o espectador já deve ter percebido, fui uma das pessoas que assistiu ao filme e que não se deixou "deslumbrar" nem pelo herói Duke, interpretado pelo atlético Channing Tatum, nem por mais uma prestação silenciosa, mas competente, de Ray Park (que já vimos em "Star Wars" no papel de Darth Maul) enquanto Snake Eyes, nem pelos efeitos especiais que, dou o braço a torcer, conseguem entreter quem vá com poucas expectativas para a sala de cinema.

 

A história do filme é muito simples: James McCullen (Christopher Eccleston) é um traficante de armas que planeia dominar o mundo através da criação de um exército de soldados nanotecnológicos, e por isso mesmo, mais fortes que os comuns humanos. Por forma a espalhar o terror, e dar início a uma nova era, pretende utilizar 4 ogivas concebidas com a mesma tecnologia, e que têm capacidade para destruir uma cidade inteira. É aqui que a equipa G.I. Joe entra em acção...

 

Stephen Sommers, o realizador de “Van Helsing” e “The Mummy” sofre aqui do mesmo mal que nos seus outros filmes (embora confesse o meu particular gosto por “The Mummy”), ou seja, consegue criar boas sequências de acção, mas com um argumento vazio e bastante parco em qualidade. E mesmo a acção é apressada, sem nexo por vezes, culminando num final atabalhoado e criado única e exclusivamente para permitir um insondável número de sequelas.

 

O mesmo se pode dizer das personagens, que conseguem uma profundidade igual a uma tábua rasa... Só Sienna Miller foge a esse rótulo, brindando o espectador com uma prestação deveras... sexy com a sua Baronesa, a vilã da história. E sim, também aqui o voyerismo para com a actriz está presente e diria até, bem latente. Mas numa fita em que as representações são quase que secundárias, dada a maior importância dada aos efeitos especiais, a jovem actriz britânica foi a única que me conseguiu convencer, num registo bad girl totalmente diferente daquele a que nos tem habituado.

 

Desta forma, “G.I. Joe: Ataque dos Cobra” vale somente pela acção frenética, efeitos especiais (que são, a par de Sienna, as únicas mais valias da fita) e pela quantidade industrial de vidros partidos.

 

Nada relevante e com uma potencial sequela a caminho, assim é um blockbuster rentável nos dias que correm...

 

Technically, G.I. Joe does not exist, but if it did, it'd be comprised of the top men and women from the top military units in the world, the alpha dog's. When all else fails, we don't.”

 

Facto, é que falharam.

 

Nota Final: 4 / 10

 

 

 


Por Mafalda às 23:04
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 24 de Dezembro de 2009

The Eye (2008)

 


Sidney Wells (Jessica Alba) é uma jovem violinista dotada de um enorme talento, mas que perdeu a visão ainda criança. Agora, perfeitamente adaptada a este modo de vida, vê a possibilidade de recuperar a vista através de um transplante de córnea.

 

Tudo parecia correr pelo melhor, até Sidney começar a ver algo mais do que esperaria...

 

Mais uma adaptação dos estúdios americanos de um filme de terror chinês, “Gin gwai” dos irmãos Pang, e que, segundo as críticas, nada mais é que uma cópia bastante inferior. Infelizmente (ou não, visto entrar na visualização desta fita com uma atitude mais neutra para com a mesma) não vi o filme original, de modos que não posso estabelecer um termo comparativo.

 

Ainda assim, posso dar a minha opinião sobre esta primeira incursão de Jessica Alba no género do terror. A jovem actriz consegue arrancar uma prestação razoável, bastante positiva em alguns momentos, e superior à dos outros actores. Mas, verdade seja dita, não era muito dificil consegui-lo... mas adiante.

 

A maneira lenta como a película se desenvolve, e o tempo que dispensa a cada espectro de acção conferem uma boa atmosfera para o que os realizadores David Moreau e Xavier Palud pretendiam mostrar.

 

Com alguns bons planos de câmara “O Olho” conjuga simplicidade narrativa com uma ou outra cena de “susto”. De frisar bem as aspas, porque são cenas agarradas ao mais comum dos clichés dentro do género. “Sustos” previsiveis, e que muito dificilmente o vão apanhar desprevenido.

 

Uma questão pertinente se coloca. O que mais gostei no filme foi a explicação dada para as visões de Sidney, mas, tendo em conta que estamos perante um remake, terá a versão original pormenores ainda melhores aos quais possa de facto atribuir a genialidade da ideia? Parece que tenho mesmo de deitar a mão ao original asiático...

 

Longe de ser incontornável, “The Eye” é o tipo de filme que entretém, funcionando talvez como uma boa aposta para quem deseja entrar neste género cinematográfico, já que se aproxima mais de um thriller sobrenatural do que propriamente de um filme de terror.

 

I know you're scared. Don't be, 'cause the world really is beautiful.”

 

Nota Final: 6.5 / 10

 

 

 


Por Mafalda às 19:55
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 23 de Dezembro de 2009

Avatar (2009)

 

 

Deslumbrante, único, um marco cinematográfico. O realizador James Cameron alcançou mais um feito, desta vez com a história de Jake Sully (Sam Worthington), um ex-marine confinado a uma cadeira de rodas, que foi convocado para uma missão no planeta Pandora.

 

A missão consiste na procura de um valiosíssimo mineral que é utilizado na Terra como fonte energética, localizando-se precisamente no seio da comunidade Na'vi, os habitantes daquele planeta.

 

Por forma a ganhar a sua confiança, estudar os seus costumes, e conseguir preciosas informações de como chegar ao mineral, Jake, através de um altamente avançado programa de avatares, vê a sua mente transportada para o corpo de um robusto Na'vi. E é aqui que o conflito interior do jovem tem lugar... Deverá ele lutar ao lado dos da sua raça, ou ao lado daqueles que agora o acolheram?

 

O filme é um deleite visual para o espectador, e a sua abordagem tridimensional é quase que obrigatória. Desde as paisagens, até às criaturas... Tudo é abordado com um enorme cuidado e bom gosto. Sim, a história é mais que vista, recheada de clichés, e sabemos desde cedo o desfecho provável, mas nem por isso o interesse do filme se vê gorado.

 

Certo mesmo é que Cameron é um mestre, e os 300 milhões de dólares que tornam “Avatar” no filme mais caro de sempre renderam, e bem! Nunca na vida, e afirmo-o com toda a convicção, vi uma tão perfeita simbiose de imagens reais com o mais refinado CGI. Esqueçam tudo o que viram até agora, e marquem uma nova etapa do cinema a partir do sucessor de “Titanic” no que aos sucessos do realizador diz respeito (já repararam como o senhor marca décadas com cada filme que faz? “Terminator” é mais um exemplo disso mesmo!).

 

A nível interpretativo, o leque de actores brinda-nos com convincentes performances. Quem me conhece bem sabe que opinião tenho sobre Michelle Rodriguez... Pois agora cabe-me dar o braço a torcer e dizer que, de facto, gostei imenso da sua prestação. A sua personagem, Trudy Chacon, embora com pouco tempo de intervenção, marca pela positiva. Nota de referência ainda para Sigourney Weaver, em boa forma, mas com uma condução do personagem que me confundiu um pouco. Gostaria de ter visto o “mau feitio” da personagem um pouco mais aprofundado, mas esteve a bom nível, assim como Stephen Lang, o implacável coronel Miles Quaritch. Com uma condição física invejável, Lang revelou-se o vilão perfeito, com tiradas que denotam bem o cariz político que Cameron tentou induzir na película.

 

Por fim, de frisar que “Avatar” é apontado como o novo salvador da indústria cinematográfica de Hollywood. As condições para tal estão reunidas, portanto não será de estranhar que o consiga!

 

Quase 3 horas de duração que servem como prenda de Natal antecipada para qualquer cinéfilo que se preze. Um verdadeiro must see!

 

Everything is backwards now, like out there is the true world and in here is the dream.”

 

Nota Final: 9 / 10

 

 

 


Segunda-feira, 21 de Dezembro de 2009

Estreias da Semana - 24/12

     

 

Alvin and the Chipmunks - The Squeakquel: Alvin, Simon e Theodore encontram-se agora a cargo de Toby, o sobrinho adolescente de Dave, seu manager e amigo. Com a carreira temporariamente suspensa, os 3 esquilos terão de se dedicar à escola, sem grande entusiasmo... Até ao dia em que surje um concurso de bandas escolares!
 
Parlez-moi de la Pluie: Agathe Villanova, uma escritora feminista com alguma notoriedade, regressa à sua terra natal onde reencontra a irmã neurótica, o estranho cunhado e a dedicada empregada da família. Candidata às eleições locais, a chegada de Agathe inspira Karin, o filho da empregada, a compor uma série de documentários sobre várias "mulheres que venceram".
 
Sherlock Holmes: Londres, 1890. Lord Blackwood proclamando a sua imortalidade e poderes ocultos, aterroriza toda a população com os seus crimes. Cabe agora a Sherlock Holmes e ao seu companheiro Dr. Watson fazer-lhe frente!
 
Tags:

Por Mafalda às 23:16
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 18 de Dezembro de 2009

Paranormal Activity (2007)

 

 

Dá que pensar. Esta será certamente a melhor conclusão a retirar do filme sensação de 2009 nos Estados Unidos, “Actividade Paranormal”.

 

Um casal, uma casa, estranhos fenómenos e uma câmara de filmar. Estão lançados os dados numa história que, como é anunciado, não deverá ser vista por um solitário espectador. Mas elaboremos um pouco mais...

 

Micah (Micah Sloat) e Katie (Katie Featherston) são um jovem casal que, após se mudar para uma nova casa, começa a aperceber-se de estranhos fenómenos que ocorrem sem razão aparente. Por forma a desvendar o mistério, decidem instalar uma câmara no seu quarto, o local onde se dão a maioria dos fenómenos, registando assim tudo o que acontece enquanto dormem.

 

Nunca é demais referir que esta película do estreante Oren Peli foi filmada em apenas 7 dias, na casa do próprio realizador, contando somente com 4 actores e livre de grandes efeitos especiais. Assim, não será dificil concluir que os baixos custos de produção (cerca de 11 mil dólares) se vêem agora mais que rentabilizados, ou não fosse “Paranormal Activity” um tal sucesso de bilheteira que chegou mesmo a destronar “The Blair Witch Project” do topo da lista dos filmes que mais lucraram na sua estreia.

 

Essencialmente, podemos atribuir a “culpa” de tal situação ao incansável marketing em torno do filme. O trailer oficial utilizou uma metodologia já usada no sublime “REC” (foram publicitadas as reacções do público aquando do visionamento da fita), o que acaba por, de certa forma, levar o espectador a um engano.

 

Sim, um engano. Eu gostei realmente da película mas, verdade seja dita, o trailer é ambicioso demais, levando a espectador a ter uma noção bastante distinta da realidade. Existem somente dois ou três momentos de susto (momentos esses que se encontram presentes no trailer, o que condicionou, e muito, a minha reacção à visualização dos mesmos), e pouco mais. A restante fita prende-se bastante em alguns clichés comuns neste tipo de produção, e dá bastante relevância ao dia a dia do casal, o que para mim é uma mais valia, pois confere um maior realismo à história que nos é contada.

 

Por isso mesmo, o tom dramático que Peli consegue imbutir resulta, não só pelos efeitos da câmara que atribuem um nivel bastante elevado de veracidade e proximidade, mas também pelo facto de se basear em factos reais.

 

As cenas sem explicação são uma constante, e a tensão à medida que o filme se desenrola é palpável. Os actores têm também um bom desempenho, permitindo uma preocupação quase que imediata com a sua situação.

 

Fica a ideia que algo mais poderia ter sido feito (especialmente no final, que se prova demasiado repentino e quase que cortando o clímax da acção), mas se tivermos em conta os baixos recursos de que o realizador dispôs, estamos perante um bom filme, inquietante, perturbador, claustrofóbico, com carisma documental, e que se distancia dos demais títulos do género. A ver.

 

You cannot run from this... It will follow.”

 

Nota Final: 8 /10

 

 

 


Por Mafalda às 10:45
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 14 de Dezembro de 2009

Estreias da Semana - 17/12

 
 
Avatar - Jake Sully, um ex-marine confinado a uma cadeira de rodas é recrutado para uma missão a Pandora para explorar um mineral usado na Terra como recurso energético. Porém, a atmosfera de Pandora é altamente tóxica para os humanos, sendo necessário recorrer a um programa de avatares híbridos, que possibilita a transferência da mente humana para um corpo nativo. Como as relações entre as duas raças têm estado em crise, Jake deverá também infiltrar-se naquela sociedade e encontrar uma forma de a dominar. É então que se vê dividido entre os pacíficos Na'vi e as forças que os querem destruir.
 
Gamer - depois de grandes avanços tecnológicos é criado o Slayers, um jogo de vídeo onde a crueldade e violência são levadas ao extremo. Este jogo utiliza pessoas reais conduzidas e controladas por uma comunidade de fãs cibernéticos. O objectivo será fazer cada personagem sobreviver a 30 provas, e só então terá direito a regressar à liberdade.
 
Tags:

Por Mafalda às 19:13
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sábado, 12 de Dezembro de 2009

I'll See You in My Dreams (2003)

 

Eis uma refinada aposta para quem quiser reunir o melhor de um filme de zombies, com tiradas de humor e uma pacatez tipicamente portuguesas.

 

Contando com nomes como Rui Unas, Sofia Aparício, São José Correia e João Didelet, entre outros, o autor Filipe Melo apresenta-nos uma curta metragem que tem como pano de fundo uma pacata vila assolada por zombies

 

De todos os habitantes da aldeia só Lúcio parece ainda ter a audácia de lhes fazer frente. Mas até mesmo o “herói” encerra um terrível segredo na cave de sua casa...

 

Assim se resume a história do filme através do qual o espectador, pela força da catana, se vê apto a desbravar terrenos nunca antes trilhados no terror português (de relembrar que “I'll See You in My Dreams” é honrosamente apelidado de o primeiro filme português com a temática dos zombies).

 

Personagens bem construídas, boa composição cénica (nomeadamente a nível do ambiente que se consegue recriar, caracteristicamente frio, sujo e sombrio), uma competente fotografia e um guião inteligente que joga com suspense e comédia, garantindo 20 minutos bem passados mas que, a meu ver, tinham história para muito mais.


E embora com ou outro efeito menos conseguido, convém relembrar que estamos perante uma curta que contou com um baixo orçamento, o que só vem valorizar ainda mais o trabalho desenvolvido, e a capacidade demonstrada em fazer bom cinema com poucos recursos. Digno de registo!

 

De notar ainda a falta de explicações quanto à infestação da vila pelas terríveis criaturas. O facto de a acção partir do momento em que a aldeia já vive quase como que num quotidiano com a presença dos zombies é deveras refrescante e, por isso mesmo, aceitável esse “lapso” na narração.

 

Será pois de concluir que houve uma tremenda eficácia no contar da história, bem como no twist final, que certamente será do agrado do espectador. E viva a velha máxima de que filmes de zombies retratam uma sociedade corrompida!

 

Com banda sonora a cargo de Moonspell, esta película revela-se imperdível para fãs do género e não só. A provar como se faz bom cinema em Portugal.

 

Se há algo que eu não suporto nesta aldeia... é a merda dos zombies.”

 

Nota Final: 8 / 10

 

 

 


Por Mafalda às 04:12
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 8 de Dezembro de 2009

Estreias da Semana - 10/12

  
 
Afterschool - Robert é um estudante que grava a morte por overdose de duas colegas suas. O filme torna-se no tema de um projecto criado pela direcção da escola para motivar um luto colectivo. Porém, o projecto tem um efeito contrário...
 
Ágora - Egipto, ano 391, Alexandria. O Cristianismo torna-se a religião dominante numa cidade governada pelo império romano. Quando as revoltas populares chegam à Biblioteca de Alexandria, Hipátia, filósofa e ateísta, luta pela preservação da cultura do Mundo Antigo.
 
Arthur et la vengeance de Maltazard - sequela de “Artur e os Minimeus” que nos localiza no fim do décimo ciclo da Lua, a altura em que Artur pode regressar ao mundo dos Minimeus e reencontrar Selénia, a princesa que ele nunca esqueceu. Porém, tudo se complica quando o pai de Artur decide que as férias do filho em casa dos avós terminaram.
 
 
 
Les Beaux Gosses - Hervé é um jovem de 14 anos que vive com a mãe e é obcecado por raparigas, passando o dia a imaginar a melhor forma de as seduzir.
 
Zombieland - Columbus é um jovem franzino e cobarde. Tallahassee é corajoso está sempre pronto para matar todos os zombies que lhe apareçam pela frente. Mas quando são assaltados pelas irmãs Wichita e Little Rock , que também possuem métodos de sobrevivência pouco comuns, têm de perceber qual o maior perigo a enfrentar: os zombies ou eles mesmos.
 

 

Tags:

Por Mafalda às 19:11
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 1 de Dezembro de 2009

Estreias da Semana - 03/12

 
Paranormal Activity: um “low budget” que se tornou rápidamente em filme sensação e cuja acção se desenrola na casa do realizador, Oren Peli. É a história de um jovem casal que, numa nova casa, decide perceber se os estranhos fenómenos que se sucedem se devem a causas sobrenaturais ou não, sendo que, para tal, resolvem instalar uma câmara de vigilância...
 
O'Horten: o maquinista Odd Horten acaba de atingir a reforma mas, se até aqui a monotonia foi uma constante da sua longa carreira, o seu último dia de trabalho reserva-lhe uma série de imprevistos! Agora, após 40 anos de serviço, chegou o momento de recomeçar a viver.
 
Coco Chanel et Igor Stravinsky: filme que aborda a relação entre Coco Chanel, mestre da alta-costura, e o compositor Igor Stravinsky, realizado por Jan Kounen e que foi o filme de encerramento do Festival de Cannes de 2009
 
 
Planet 51: Chuck Baker é um astronauta que, numa viagem de reconhecimento, acaba por ser forçado a uma aterragem de emergência no Planeta 51, dando de caras com um mundo igual à Terra... à excepção dos estranhos seres que o habitam!
 
Couples Retreat: comédia sobre problemas conjugais que acompanha as férias de 4 casais numa estância paradisíaca. Um dos casais tenta enfrentar os seus problemas através de terapia, enquanto os outros estão lá somente para se divertir. Ou não fosse o facto de que, afinal, a terapia ser obrigatória para todos...

Uma Aventura na Casa Assombrada: durante um fim-de-semana em Sintra, Chico, João, Pedro e as gémeas Luísa e Teresa, conhecem Filipa que os convida para a sua casa de família. Aí tem início a busca dos jovens pelo "Espírito do Mundo", um diamante Azteca roubado há vários séculos.

 

Tags:

Trailer da Semana:

127 Hours

Owners

goldenticket09@gmail.com

Quem somos?

Pesquisar

 

Revista Golden Ticket


Nº1 - 1 Ano de Puro Cinema!

Visualizar/Download

Nº2 - Mindfuck Movies

Visualizar/Download

Top 5 Filmes de Maio

1 – Iron Man 2

2 – The Bounty Hunter

Filme do Mês 2010

Janeiro 2010 - Hauru no ugoku shiro
Fevereiro 2010 - Up
Março 2010 - District 9
Abril 2010 - Green Zone
Maio 2010 - Iron Man 2
Junho 2010 - Sin Nombre
Julho 2010 - Quando o Anjo e o Diabo Colaboram
Agosto 2010 - Inception

Filme do Mês 2009 Janeiro 2009 - Seven Pounds
Fevereiro 2009 - Slumdog Millionaire
Março 2009 - Gran Torino
Abril 2009 - This is England
Maio 2009 - Control
Junho 2009 - Star Trek
Julho 2009 - Watchmen
Agosto 2009 - Coraline
Setembro 2009 - Inglourious Basterds
Outubro/Novembro 2009 - Re-Animator
Dezembro 2009 - Avatar

Filme do Ano GT 2009


Inglourious Basterds

Facebook

Golden Ticket on Facebook

Canal Youtube

Top 5 Filmes de Janeiro 2009
Top 5 Filmes de Fevereiro 2009
Top 5 Filmes de Março 2009
Top 5 Filmes de Abril 2009
Top 5 Filmes de Maio 2009
Top 5 Filmes de Junho 2009
Top 5 Filmes de Julho 2009
Top 5 Filmes de Agosto 2009
Top 5 Filmes de Setembro 2009

Segue-nos no Youtube

Arquivo

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Posts recentes

Trailer do dia - Green La...

Trailer do dia - Cars 2

Trailer do dia - Kung Fu ...

Trailer do dia - Harry Po...

Trailer do dia - Drive An...

Trailer do dia - Twelve

Trailer do dia - Howl

Trailer do dia - Tournée

Trailer do dia - Unknown

Trailer do dia - Sucker P...

Trailer do dia - Scream 4

Trailer do dia - Limitles...

Trailer do dia - Just Go ...

Trailer do dia - Dead Awa...

Trailer do dia - Cowboys ...

Últimos Comentários

Comédia criado pelos irmãos Mark e Jay Duplass, a ...
Não se compara ao original. Tenho pena que a 'amer...
lamento mas tenho de concordar com o daniel, embor...
O blog está muito interessante.Bravo!Cumprimentos ...
Desde já parabéns pelo trabalho, que tem ar de bom...
este filme é mt bom!!
Parabéns pelo seu blog, muito interessante. Estou ...
Excelente filme, muito recomendado!Cumps cinéfilos...
muito bom o Ilusionista. Cheguei a vê-lo aqui na F...
Não é para os fracos de coração... e, já agora, de...

Estreias da Semana

- Somewhere

- 127 Hours

- Blue Valentine

- The Dilemma

Tags

todas as tags

Feed-Us