Sábado, 7 de Março de 2009

Blindness (2008)

 

 

E se de repente... perdesse a visão?

 

É esta a premissa de “Blindness”, a adaptação cinematográfica do livro “Ensaio Sobre A Cegueira” do Nobel da Literatura, José Saramago.

 

A história tem início quando, sem razão aparente, várias pessoas começam a perder a visão. Sem conseguir perceber o que realmente se passa, o governo opta por colocar em quarentena, num hospital abandonado, todos aqueles que ficaram cegos. Julianne Moore interpreta a única personagem que, embora não sofra da “doença”, vai para o hospital por forma a acompanhar o marido, um médico interpretado por Mark Ruffalo. Lá, ela acaba por se tornar o pilar de apoio dos doentes confinados àquelas quatro paredes...

 

Embora tenha reconhecido em Mark Ruffalo características que me deixaram inicialmente desagrada com a sua prestação certo é que, com a continuação do filme, ele conseguiu a merecida “redenção”, tornando mesmo a sua personagem numa das mais complexas e interessantes. Já Julianne Moore está perfeita no papel. A sua inexpressividade em algumas situações não deixam antever as ideias e acções futuras da personagem, o que acaba por prender o espectador. O restante elenco revela-se competente, nomeadamente Danny Glover e Gael Garcia Bernal.

 

A nível técnico, há que mencionar aquele que, para mim, é o aspecto mais significativo: a fotografia. A fotografia do filme é de uma crueza impressionante, conferindo bastante realismo à fita. As cenas do hospital roçam mesmo o perfeito pois conseguem fugir a planos bonitos, focando-se numa vertente mais suja, fria e decadente, perfeitamente descritiva da situação em que as personagens se encontram.

 

“Blindness” é assim, uma adaptação bem conseguida, com toques de cariz apocalíptico, que consegue ser bastante “pesada” em algumas cenas. Recordo-me de uma em particular que envolve as mulheres que se encontram no hospital e que, por forma a obterem comida, se vêem numa situação completamente degradante para qualquer ser-humano. Quem teve oportunidade de ler o livro, ou ver o filme, saberá certamente a que cena me refiro.

 

É um bom filme, e prova disso, é que teve a capacidade de comover mesmo o próprio Saramago.

 

“The only thing more terrifying than blindness is being the only one who can see.”

 

Nota Final: 8 / 10

 

 

 


Por Mafalda às 19:17
Link | Comentar | Adicionar aos favoritos
1 Comentário:
De Raul Simplício a 8 de Março de 2009 às 15:41
Eu fui ver esse filme na última sessão mas não era por estar com sono que adorei (até porque não tinha nenhum).

Filme absolutamente incrível, das poucas coisas que o espanhol/português escreveu.

Se fosse sobre surdez iria dar exactamente ao mesmo. Grande história.


Comentar post

Owners

goldenticket09@gmail.com

Quem somos?

Pesquisar

 

Canal Youtube

Top 5 Filmes de Janeiro 2009
Top 5 Filmes de Fevereiro 2009
Top 5 Filmes de Março 2009
Top 5 Filmes de Abril 2009
Top 5 Filmes de Maio 2009
Top 5 Filmes de Junho 2009
Top 5 Filmes de Julho 2009
Top 5 Filmes de Agosto 2009
Top 5 Filmes de Setembro 2009

Segue-nos no Youtube

Arquivo

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Posts recentes

Trailer do dia - Green La...

Trailer do dia - Cars 2

Trailer do dia - Kung Fu ...

Trailer do dia - Harry Po...

Trailer do dia - Drive An...

Trailer do dia - Twelve

Trailer do dia - Howl

Trailer do dia - Tournée

Trailer do dia - Unknown

Trailer do dia - Sucker P...

Trailer do dia - Scream 4

Trailer do dia - Limitles...

Trailer do dia - Just Go ...

Trailer do dia - Dead Awa...

Trailer do dia - Cowboys ...

Últimos Comentários

Comédia criado pelos irmãos Mark e Jay Duplass, a ...
Não se compara ao original. Tenho pena que a 'amer...
lamento mas tenho de concordar com o daniel, embor...
O blog está muito interessante.Bravo!Cumprimentos ...
Desde já parabéns pelo trabalho, que tem ar de bom...
este filme é mt bom!!
Parabéns pelo seu blog, muito interessante. Estou ...
Excelente filme, muito recomendado!Cumps cinéfilos...
muito bom o Ilusionista. Cheguei a vê-lo aqui na F...
Não é para os fracos de coração... e, já agora, de...

Estreias da Semana

- Somewhere

- 127 Hours

- Blue Valentine

- The Dilemma

Tags

todas as tags

Feed-Us